Inicio do Menu


Inicio do conteudo

Movimentação de contêineres no Porto de Santos até novembro já é maior que total de 2020

Publicado em 22.dez.2021 - 17:45

Movimentação acumulada de cargas até novembro também é a melhor da história

 

O forte crescimento de contêineres ao longo do ano levou o Porto de Santos a bater o recorde anual de movimentação dessa tipologia de carga já em novembro, mesmo diante do recuo no mês. O Porto encerrou os 11 primeiros meses de 2021 com 4,4 milhões de TEU (contêiner padrão de 20 pés), 3,5% superior ao recorde anual de 4,2 milhões de TEU registrados nos 12 meses de 2020 e 15,4% acima do mesmo período de 2020.

A Santos Port Authority (SPA), estatal que administra o Porto de Santos, projeta encerrar o ano com 4,8 milhões de TEU, alta de 14% sobre o exercício anterior. A capacidade instalada do Porto é para 5,3 milhões de TEU.

“A distância entre movimentação e capacidade para contêineres vem diminuindo rapidamente. Isso reitera a necessidade do leilão do STS 10, que será o novo terminal para contêineres do Porto e de extrema importância para atender a indústria. Nosso papel como empresa de planejamento de infraestrutura é assegurar a disponibilidade da oferta antes da chegada da demanda”, destaca o diretor-presidente da SPA, Fernando Biral. O STS 10 será instalado no Saboó, com previsão de ir a leilão no segundo semestre de 2022.

Considerando o volume de todas as cargas, o Porto chegou a 134,81 milhões de toneladas no acumulado do ano, o melhor resultado até novembro da história. Os embarques somaram 94,8 milhões de toneladas, queda de 4% sobre janeiro-novembro de 2020. Já os desembarques aumentaram 11,3%, para 40 milhões de toneladas.

O grande destaque dos embarques foi o complexo soja, que registrou aumento de 5,4%, alcançando 29 milhões de toneladas. Em novembro, a carga apresentou aumento no ritmo dos embarques, atípico para a ocasião, avançando 102,3% ante o mesmo mês do ano anterior, para 1 milhão de toneladas. Também as carnes tiveram desempenho positivo, crescendo 1,7%, para 1,5 milhão de toneladas até novembro.

Entre os desembarques, destaque mais uma vez para os adubos, que atingiram 7,3 milhões de toneladas, aumento de 25,2%. “Os fertilizantes em geral têm crescido, o que reforça a importância de termos mais um terminal dedicado em Santos”, acrescenta Biral, em relação à área STS 53, que será leiloada no ano que vem e está com consulta pública aberta até 16 de janeiro próximo.

No mês novembro, o Porto movimentou 11,2 milhões de toneladas de cargas, queda de 7,3% ante novembro de 2020. As exportações do complexo soja e as importações de adubos apresentaram forte crescimento, mas insuficientes para superar a movimentação observada em novembro de 2020.

A participação acumulada do Porto de Santos na corrente comercial brasileira em novembro se manteve em 27%.

O fluxo de navios recuou 2,2% no acumulado do ano, totalizando 4.409 atracações. Com o aumento na movimentação de cargas (+0,1%) no mesmo período, concomitante à queda de atracações (-2,2%), o peso médio transportado por embarcação registrou aumento de mais de 2%.


Superintendência de Comunicação Corporativa
Autoridade Portuária de Santos
Santos Port Authority

Av. Conselheiro Rodrigues Alves, s/nº . Macuco . Santos/SP . Brasil
Tel.: +55 (13) 3202-6565
comunicacao.corporativa@brssz.com | www.portodesantos.com.br

Termo de privacidade