Portal do Governo Brasileiro
  • Login/E-mail
  • Senha
Sexta-feira, 22 de agosto de 2014 - Fuso horário: GMT -3
Serviços > Imprensa
IMPRENSA
Clipping da Assessoria de Comunicação Social
Terminais vão investir R$ 75 mi na Ilha Barnabé
01/08/2010
A Tribuna - Porto e Mar - C8
DIOGO CAIXOTE DA REDAÇÃO O complexo de terminais formado pelas empresas Ageo e Copape vai investir R$ 75 milhões na construção de dois novos píeres de atracação para granéis líquidos na Ilha Barnabé, no Porto de Santos. As obras do primeiro deles deverão ser iniciadas entre agosto e setembro últimos. A ampliação foi permitida por meio de um aditamento ao contrato de arrendamento das empresas no Porto, firmado no início de junho. As obras já estavam previstas desde quando as áreas ocupadas pelas companhias foram concedidas. Os dois novos berços de atracação fazem parte de um audacioso projeto de ampliação, que irá transformar o conjunto de terminais em um dos maiores exportadores de álcool do mundo. O investimento global do plano, iniciado no ano passado, gira em torno de R$ 500 milhões, e inclui novos tanques, desvios ferroviários e área para estacionamento de caminhões. Deste total, aproximadamente R$ 35 milhões é o valor do primeiro píer, que já tem as licenças necessárias para ser implantado, afirmou o diretor comercial do grupo, Aquiles Dias. Segundo ele, as obras começarão em dois meses e levarão cerca de um ano para serem concluídas. A Ilha Barnabé possui três berços de atracação. São dois no lado Bocaína, os primeiros da ilha em direção ao fundo do Canal do Estuário, O terceiro fica no lado São Paulo, no sentido Cubatão. Já os novos serão erguidos no lado São Paulo, em frente aos tanques das duas empresas. A construção do segundo berço do conjunto Ageo-Copape vai custar R$ 40 milhões, segundo o diretor comercial. Entretanto, o projeto ainda está em fase de licenciamento. A implantação do cais número 2 vai ser definida pela demanda do mercado. PROJETO O plano de expansão apresenta- do para A Tribuna no ano passado prevê que os terminais alcançarão 360 milhões de litros em tancagem. Atualmente, essa capacidade é de 170 mil metros cúbicos. Mas a construção dos novos tanques ainda está em avaliação. Além disso, os terminais terão um estacionamento para abrigar em torno de 120 carretas. O objetivo é evitar que os veículos fiquem parados na estrada de acesso à Ilha Barnabé, se houver algum atraso de navio e liberação de espaço nos tanques. O pátio ainda não começou a ser implementado, embora a Codesp já tenha definido a área para implantação de acordo com determinação do Conselho de Autoridade Portuária (CAP) de Santos. A instalação deve ficar em terrenos das empresas atrás do morro existente na ilha.
Banco de Imagens
Porto KIDS
Companhia Docas do Estado de São Paulo - CODESP - Avenida Rodrigues Alves, s/nº - Macuco - Santos,
São Paulo, Brasil - CEP 11015-900
Fone: (13) 3202-6565 - Fax [clique aqui]