Cargas Perigosas: Operação do Ibama confirma que Porto de Santos é seguro

Página Inicial > Press Releases > Destaque > Cargas Perigosas: Operação do Ibama confirma que Porto de Santos é seguro

Publicado em 09 outubro 2020 - 11:08


Operação Relíqua fiscalizou terminais do Porto de Santos e do Polo Industrial de Cubatão

 

O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) apresentou, nesta quinta-feira (8), em reunião na Santos Port Authority (SPA), as conclusões da Operação Relíqua, que fiscalizou cargas perigosas no Porto de Santos e no polo industrial de Cubatão durante aproximadamente três semanas, quando mais de 50 empresas foram vistoriadas. O Ibama concluiu que a operação de cargas perigosas no Porto de Santos é segura, pois conta com ações preventivas e fiscalizatórias com relação à movimentação e armazenamento desse tipo de carga.

A Operação foi realizada para verificar a condição de segurança e preparação para combate a emergências na região do Porto de Santos, principalmente em vista da tragédia ocorrida com explosão na área portuária de Beirute, no Líbano, no dia 04 de agosto último.

O diretor de Desenvolvimento de Negócios e Regulação, Bruno Stupello, representou a diretoria da SPA na reunião, que teve por objetivo avaliar os trabalhos realizados. “A movimentação portuária tem, muitas vezes, natureza de risco, e a prevenção de acidentes, por meio de rígidos controles e fiscalização, é imperativa no Porto de Santos. Por isso a SPA deu todo apoio à Operação Relíqua e atua de forma rigorosa para garantir a segurança das cargas e das pessoas no Porto de Santos”, disse Stupello.

O Ibama, em sua apresentação de fechamento, exaltou o bom trabalho de controle e fiscalização que é realizado continuamente pela SPA, Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e pelo Exército sobre as operações de movimentação de cargas perigosas no Porto de Santos.

Foram indicados alguns pontos de melhoria que serão implantados pelos terminais portuários para aumentar ainda mais as medidas de prevenção, não sendo constatadas situações de risco grave ou iminente. Além da SPA, Ibama, Antaq e Exército, participaram da reunião a Marinha, Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Defesa Civil, Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Santos) e Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo (Sopesp).

Superintendência de Comunicação Corporativa
Autoridade Portuária de Santos
Santos Port Authority

Av. Conselheiro Rodrigues Alves, s/nº . Macuco . Santos/SP . Brasil
Tel.: +55 (13) 3202-6410
comunicacao.corporativa@brssz.com | www.portodesantos.com.br