Cilindros são inspecionados pelo secretário estadual de Meio Ambiente

Página Inicial > Press Releases > Cilindros são inspecionados pelo secretário estadual de Meio Ambiente

Publicado em 03 agosto 2017 - 11:29


O secretário estadual do Meio Ambiente, Ricardo Salles, juntamente com equipes técnicas da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), da Polícia Militar Ambiental e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Defesa Civil de Santos inspecionaram na manhã desta quarta-feira (02/08) as condições de armazenamento dos 115 cilindros com gases no Armazém 10 do Porto de Santos.

A princípio, os cilindros se encontravam acondicionados no Armazém 11, juntamente com outros itens, e por recomendação do Corpo de Bombeiros foram segregados no Armazém 10 e separados entre si, para maior segurança.

Na oportunidade, o secretário afirmou que durante a vistoria conjunta feita com as demais autoridades envolvidas na busca de solução para o problema, verificou-se que as recomendações feitas pela Cetesb foram implementadas pela Codesp e a questão está bem encaminhada. “O que pudemos observar no interior do armazém foi a adoção das medidas possíveis e suficientes para contenção do risco por um período, até a destinação final dos cilindros, permitindo tranquilizar a população de Santos”, explica o secretário.

Quanto ao cronograma dos trabalhos, Salles disse que na próxima segunda-feira (dia 7/8) a Codesp deverá apresentar quatro alternativas para destinação dos cilindros, que serão analisadas em um prazo de dois dias pelos órgãos envolvidos, para escolha da solução mais adequada sob o ponto de vista logístico, técnico, condições climáticas e, principalmente, segurança da população. A implementação dessa alternativa deverá ser iniciada no dia 10 de agosto.

O superintendente de Meio Ambiente da Codesp, Ivam Doutor, explicou que a Codesp adotou todas as medidas possíveis para garantir a segurança no local onde os cilindros se encontram armazenados. “Contratamos uma empresa com expertise nesse assunto para fazer o monitoramento técnico das soluções recomendadas e, desde o início, não nos furtamos da responsabilidade de resolver a questão, não economizando esforços para encontrar uma solução que envolva o menor risco possível sob o ponto de vista ambiental e de segurança, visando sempre proteger a população”, afirmou Doutor.

O superintendente de Meio Ambiente da Codesp acrescentou que as melhores técnicas de segurança já foram aplicadas para resolver essa situação e uma delas é a restrição no acesso de pessoas ao armazém. Quanto às multas da Cetesb, Doutor disse que, neste primeiro momento, a prioridade da Codesp é resolver o descarte dos cilindros e as questões financeiras devem ser adotadas pela empresa posteriormente.

Assessoria de Comunicação Social
Companhia Docas do Estado de São Paulo
Autoridade Portuária

Av. Conselheiro Rodrigues Alves, s/nº . Macuco . Santos/SP . Brasil
Tel.: +55 (13) 3202-6410
comunicacaosocial@portodesantos.com.br | www.portodesantos.com.br