Defesa Civil conhece sala de situação para monitoramento da destruição de cilindros de gases tóxicos

Publicado em 01.set.2017 - 14:05

Comando da instituição esteve na Codesp nesta quinta-feira 31/08/2017

A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) recebeu nesta quinta-feira, (31/08), a Coronel da Polícia Militar Helena dos Santos Reis, secretária da Casa Militar e coordenadora da Defesa Civil do Estado de São Paulo. Ela e sua equipe estiveram na sede da Autoridade Portuária, em Santos, para conhecerem a Sala de Situação, local de onde está sendo monitorado o serviço de destruição de gases tóxicos promovido pela Codesp em alto mar.

Na Codesp, a coordenadora da defesa Civil do Estado foi recebida pelo presidente da empresa José Alex Oliva. Ele agradeceu a presença de Helena Santos Reis e sua equipe: “a Codesp, com sua liderança no Porto de Santos como Autoridade Portuária, entende que é a integração de todos os órgãos que vai permitir a maior Segurança da região”, atestou ele. Helena Santos Reis ressaltou a atitude da Companhia na destinação dos gases tóxicos: “houve a coragem de assumir a solução do problema, mesmo em meio às pressões e críticas”, disse ela. “Fiquei impressionada pelo planejamento que está sendo seguido à risca. É um trabalho muito sério, que a Defesa Civil está acompanhando até a conclusão, para realizar o fechamento, para emitir o relatório final e prestar contas para a população e para a mídia”, falou a coronel, que acrescentou: “que tudo isso sirva de aprendizado para todos nós”.

Após a reunião na Codesp, o grupo fez uma visita técnica embarcada ao Porto de Santos, através do canal do estuário.

Situação dos cilindros

As operações transcorrem normalmente dentro do planejado, sem apresentar nenhuma ocorrência. Foram destruídos, até o momento, os produtos contidos em 38 cilindros, sendo as substâncias: Diborano, Diazometano,Trifloreto de Boro, Fosfina e Cloreto de Hidrogênio.

Todo resíduo gerado da operação está sendo descontaminado e mantido armazenado na balsa. A área vem sendo monitorada por ROV (Drone subaquático).

A Codesp continuará atualizando as informações à população conforme for evoluindo a operação.


Termo de privacidade