A incidência de fauna sinantrópica na área portuária oferece riscos tanto à saúde do trabalhador quanto à ordem econômica e ambiental. Visando à prevenção de doenças e atendimento às legislações ambientais, a SPA implantou o Programa de Controle de Vetores e Reservatórios. De perfil preventivo, as ações do Programa possibilitam a gradual diminuição da prevalência de enfermidades transmitidas por vetores e pragas urbanas aos trabalhadores portuários. 

No intuito de garantir o controle de vetores e reservatórios nos terminais, a SPA publicou a Resolução Dipre  237.2016, que estabeleceu a obrigatoriedade da implantação do Programa Integrado de Controle e Monitoramento da Fauna Sinantrópica Nociva em todas as arrendatárias, consignatárias e locatárias do Porto Organizado. Além de atuar nestas áreas ativas, o Programa contempla atividades e medidas a serem executadas pela SPA em áreas não arrendadas sob sua responsabilidade. 

A última versão do Programa de Controle de Vetores e Reservatórios pode ser baixada aqui. 

Termo de privacidade